Tuesday, August 24, 2004

O Caso "Derlei na selecção"

Depois da polémica com a naturalização do Deco e da utilização do mesmo jogador na Selecção Nacional de futebol, surge agora um outro brasileiro naturalizado que pode vir a ser convocado para a mesma selecção.

Estive a favor da convocação do Deco, mas essa situação apenas poderia ser considerada uma excepção, e nunca a regra.

É legal utilizar jogadores naturalizados mas até que ponto é que isso é saudavel e quando é que se torna um problema? Estaremos dispostos a jogar com 11 naturalizados? Qual é a linha que separa o útil do rídiculo?

Ainda para mais nunca poderemos afirmar com certeza que jogam por "sentirem" Portugal. Será que se fossem chamados pela selecção da sua pátria iriam recusar para jogar por Portugal? Não será uma segunda escolha? A camisola portuguesa não é para eles apenas uma forma de jogarem a nível de Selecções, tendo assim mais visibilidade para uma futura transferência? Estas questões ficam por responder.

Além disto é uma possível naturalização que a acontecer aparece passado não muito tempo da do Deco. Que mensagem passa isto? Vai parecer que a prioridade passou a ser a utilização de luso-brasileiros...

É por isto que não concordo com a chamada do Derlei à Selecção Nacional de futebol. Não se trata de uma posição contra o jogador. Trata-se de uma mensagem, talvez um alerta, um chamar de atenção para aquilo que pode vir. Ninguém garante que depois do Derlei não viria outro, e depois outro, e depois ainda outro. Nessa altura até podiamos ter uma selecção melhor, mas à custa de quê?

É preciso cuidado com estas situações.

0 Comments:

Post a Comment

<< Home