Monday, August 30, 2004

Se queremos medalhas...

A representação portuguesa sai dos jogos de Atenas com a melhor participação de sempre em Jogos Olímpicos. Um total de três medalhas, igualando o número alcançado em 1984 nos Jogos realizados em Los Angeles, acompanhadas de vários diplomas Olímpicos (atribuídos aos atletas que ficam até ao 8º lugar na sua prova).

Se queremos sair dos Jogos Olímpicos (e não só) com melhores resultados, é necessário fazer mais investimentos nos Atletas e nas respectivas condições de treino. Os jogos são cada vez mais profissionalizados e há cada vez menos espaço para os amadores, ou para aqueles que não se didicam exclusivamente à prática da sua modalidade - pelo menos se o objectivo for chegar às medalhas - os três medalhados portugueses são profissionais, já para não falar dos medalhados das potências "papa-medalhas".

Os casos de doping (perto de 20) também mostram que os jogos não são para "celebrar a humanidade", mas sim para celebrar a vitória por parte de atletas, países e também marcas (seja de medalhas, seja de euros, seja de dolares).

Se Portugal quer mais medalhas, tem de investir mais no desporto. Se não quer investir, então não pode exigir muito, pois em Portugal as modalidades estão quase todas abaixo do futebol. Se as pessoas nem sequer querem saber dos atletas que representam Portugal, ou se só se lembram deles quando chegam os Olímpicos, então o melhor é deixarem as críticas injustas - que vão sempre aparecendo - de lado, pois o que faz falta são críticas justas e construtivas que permitam melhorar.

Sem um investimento baseado numa política desportiva forte os sucessos serão resultado maior do trabalho e esforço de cada atleta, sem que exista uma verdadeira cultura desportiva no país. Cultura desportiva essa que poderia potenciar ainda mais os bons resultados de cada atleta, levando os bons atletas ainda mais longe.

0 Comments:

Post a Comment

<< Home